36º Enafit: Plenária aprova quatro moções e uma proposição no último dia do encontro

36º Enafit: Plenária aprova quatro moções e uma proposição no último dia do encontro 36º Enafit: Plenária aprova quatro moções e uma proposição no último dia do encontro 36º Enafit: Plenária aprova quatro moções e uma proposição no último dia do encontro 36º Enafit: Plenária aprova quatro moções e uma proposição no último dia do encontro 36º Enafit: Plenária aprova quatro moções e uma proposição no último dia do encontro 36º Enafit: Plenária aprova quatro moções e uma proposição no último dia do encontro 36º Enafit: Plenária aprova quatro moções e uma proposição no último dia do encontro 36º Enafit: Plenária aprova quatro moções e uma proposição no último dia do encontro 36º Enafit: Plenária aprova quatro moções e uma proposição no último dia do encontro
Clique na imagem para ver todas as fotos

Por Solange Nunes

Edição: Nilza Murari

Em plenária, os enafitianos aprovaram quatro moções e uma proposição, nesta sexta-feira, 23 de novembro, no último dia do 36º Encontro Nacional dos Auditores-Fiscais do Trabalho - Enafit. O debate dos documentos ocorreu no Centro de Eventos do Pantanal, em Cuiabá (MT).

As quatro moções tratam de “Repúdio à impunidade dos mandantes da Chacina de Unaí”, “Repúdio ao despejo da SRT/RJ”, “Apoio ao Ministério do Trabalho” e “Em defesa da unidade e valorização da Auditoria-Fiscal do Trabalho”. Além disso, também foi aprovada uma proposição pela Constituição de um Grupo Técnico permanente sobre agrotóxicos no âmbito do SINAIT.  

As ideias e os textos foram sugeridos e construídos pelos enafitianos no decorrer dos debates, palestras e cursos promovidos durante o evento.

Os textos serão revisados e posteriormente divulgados no site do Sinait.

Leia aqui a Proposição aprovada.

 

Homenagem

Os Auditores-Fiscais do Trabalho presentes à plenária final do 36º Enafit fizeram uma homenagem a Larissa Moreira, falecida em julho deste ano, em Salvador (BA). Larissa iniciou na carreira lotada no Mato Grosso. Deixou para os colegas mato-grossenses, assim como para os baianos e de todo o Brasil, sua marca de solidariedade e luta.

Enquanto fotos de Larissa eram exibidas no telão, o artista Edmilson Maciel leu um poema do Auditor-Fiscal do Trabalho Sílvio Teixeira. Confira:

Larissa Que você descanse em paz, minha amiga guerreira.

Você como colega, parceira, amiga, nunca te vi com cabeça baixa, sua voz sempre ativa, falando do coração direto pro mundo.  Você Larissa cativava pela sua integridade, porque não tinha meios termos, porque não admitia injustiças. Suas bandeiras, sua luta nos contagiava tanto quanto sua alegria.

Com a mesma coragem que lutava pela sociedade e pela classe operaria, defendia também  seus entes queridos.  Você que não só tinha, ainda tem um coração do tamanho da Bahia, pois nada tem maior que isso não, esse coração não morre com você.

E esse coração que pede não o luto, mas a LUTA.  Você não morre com suas causas.

Sua família, seus filhos, seus amigos, somos todos Larissa, somos todos de alma pura e garra afiada.

Somos todos de voz firme, forte; na cara e coragem nós vamos. Na fé.  Valeu Larissa, A vida em você valeu tanto e foi tão forte, e partiu tão cedo que as lições ficarão com nós aqui da outra margem do oceano.  Valeu Larissa, Larissa, onde você está bem em cima, bem alto, algo estremece...e você chegando e quebrando o protocolo.  Valeu Larissa, temos que Lutar sem descer do salto jamais. Valeu Larissa.

Silvio Teixeira – Auditor-Fiscal do Trabalho