Notícia

Na mídia: presidente do SINAIT fala de reformas e de trabalho escravo ao Jornal da Cidade

Por Lourdes Marinho

Edição: Nilza Murari 

Em entrevista ao Jornal da Cidade, o presidente do SINAIT, Carlos Silva, diz que as reformas trabalhista e da Previdência foram idealizadas para prejudicar os mais pobres, os trabalhadores  brasileiros. Os temas integram a pauta dos debates do 37º Encontro Nacional – Enafit, realizado em Aracajú (SE) até sexta-feira, 22 de novembro. 

Carlos Silva fala também de trabalho escravo e lamenta as condições ofertadas pelo governo federal para que o trabalho de fiscalização seja realizado a contento. Segundo ele, o orçamento é de R$ 50 milhões anuais. Além disso, atualmente, o Brasil conta com 2.200 Auditores-Fiscais do Trabalho em atividade, e um quadro defasado com apenas 3.600 profissionais, quando o preconizado pela Organização Internacional do Trabalho - OIT são 8 mil Auditores-Fiscais do Trabalho. 

Confira aqui a íntegra da matéria.